Daay Martins

Bio

Daiany B. Martins, 04 de agosto de 1996, Leonina, 15 anos. Meu corpo não é perfeito. Eu não ando com confiança. Eu brigo com meus pais e amigos o tempo todo. Algumas noites eu prefiro ficar sozinha do que sair para me divertir. Eu choro com as pequenas coisas. Há dias que eu dou alguns sorrisos forçados e risos falsos. Às vezes eu tento me convencer de que as coisas estão bem quando elas não estão. Eu não pareço tão boa na vida real, como pareço em minhas fotos. Há algumas noites que eu choro sozinha por tudo que está acontecendo. Eu sempre acho que não sou boa o suficiente. Eu sou estranha. Eu tenho vergonha até por MSN, eu tenho ciúme até de foto. Eu choro ouvindo música e grito quando me assusto. Eu sou escandalosa, porém tímida, isso depende se estou perto dos meus amigos ou não. Aliás, quando estou com meus amigos eu perco a vergonha na cara e só faço palhaçada. Sim, eu sou estranha, mas pelo menos procuro ser feliz. Pois é... Meu cabelo é bagunçado, uso shorts rasgado. Meu All Star está surrado, minha maquiagem está borrada. Minhas unhas imperfeitas quebram sem parar. Minha risada é alta, minha voz é estranha e eu faço caretas involuntariamente. Como pipoca, brigadeiro e sorvete sem culpa. Converso sozinha, canto errado, dou risada dos meus tombos, faço palhaçadas, conto piadas sem graça e acho graça, converso com os animais, brigo com objetos quando esbarro neles. Sim, eu sou louca, mas quem não é? Danço como uma louca em casa. Falo palavrões fluentemente e é uma pena que eu não possa incluir isso no meu currículo. Não sofro distúrbios alimentares, sou estressada pra caralho. E sabe uma coisa? Foda-se a sociedade. Pessoas perfeitas são um saco.

Latest Insta posts

Current Online Auctions

Retail price $42.28
winning Corrianna
Retail price $48.32
winning Aletia
Retail price $833.45
winning Lindsay
Retail price $1,327.48
winning Dewika